terça-feira, 23 de agosto de 2011

Alice

   Inundada de qualquer coisa, ela era restos. Restos de si, do mundo, do desumano. Ela? Desfecho de insanidade, desencadeamento do medo, inútil sinal de queda, vestígios de algo infiltrável. A ela não cabia nada, não cabia esse mundo cruel, nela ele não bastava. Mundo? Coisa flácida!
   Ela queria mais, ela era mais! Não, nunca foi melhor... Os lugares eram os menos barulhentos, por que ela já era explosão; os amigos eram os mais tempestivos, porque ela já era silêncio; as caminhadas as mais árduas, porque algo ela tinha que aprender e o fácil pouco ensinava; os sorrisos foram os mais sinceros, porque ela sabe quem ela é; as lágrimas as mais escondidas, porque os outros não precisam saber como ela é; porque pena também é um sentimento que não cabe nela.
   E seus olhos angustiavam a escuridão de seu ser reflexivo. E a adrenalina sempre foi uma fonte inesgotável de disfarces. Alice? A fantasia se tornou real! Alice? Seus sonhos não foram irreais o suficiente para te manter dormindo! Alice? Chegou a hora de gritar ao mundo, porque o silêncio de um grito é o medo calado que grita a coragem que seu coração carrega!
   E em seus olhos o fogo da verdade queimou a muitos. E em seus lábios a voz da misericórdia trouxe muitos para a verdade. E Alice despertou para adormecer. E Alice foi mais do que ela imaginou ser, desmanchou os príncipes e ela mesma derrotou os dragões, porque ela tinha o Rei a seu lado e não se perde uma batalha quando alguém- cujo poder é incalculável- está ao seu lado! Alice, o mundo entrou em sono profundo, foi distorcido pelos inconscientes confusos de muita gente. Segue Alice, seu caminho está sendo traçado, e Ele seguirá seus passos.
   As nuvens não são feitas de algodão, mas se você imaginar, elas serão. E as princesas terão seus finais felizes, você não é princesa, mas Alice, se você acreditar na sua imaginação, será fácil construir na realidade um final feliz. E você encontrará algo mais que toda essa distorção, você verá algo mais que toda essa poluição. E você não mais terá que conviver com todo esse amor que não é amor, alguém já te disse o que é amar de verdade e todos os conceitos que venham depois desse é apenas o que as pessoas gostariam que fosse para fugir de suas fraquezas.
   Alice, você traz um mundo mágico dentro de você, guarde o amor dentro dele, para que o externo não o abale. Você é guardiã de você mesma. Você deve proteger a você mesma, porque Ele é um anjo da guarda muito fiel, e os anjos nos protegem quando nossas forças estão escassas. Os anjos nos protegem quando não estamos conseguindo ficar de pé e lutar.
   Alice, eu tenho um segredo para te contar! Estás a me ouvir? Então é o seguinte: Pode sonhar Alice, o mundo não é suficientemente forte para arrancar essa luz que você tem. Alice... Dorme querida, porque a fantasia é algo provinda Dele e é a forma mais divina que temos enquanto humanos. Vai, grita e veja até onde seu eco chegará- que ele toque a muitos e desperte a verdade, que essa verdade apareça em sua real face e em seu único sentido, a mentira não mais se vestirá de verdade. Vai, cala! E que seu silêncio seja capaz de transformar a muitos- que ele seja as mil e uma palavras que não existem para descrever o verdadeiro Amor, para descrever a Deus!